Mude sua mente, mude seu corpo

“Para mudar seu corpo, primeiro é necessário mudar sua mente.”

A forma como pensamos afeta muito em nossas vidas: a capacidade de sermos felizes, nossos relacionamentos, o que os outros pensam de nós, e também nossos corpos!

Num mundo com meio BILHÃO de obesos, em que a maior causa de morte prematura é doenças do coração, e também sabendo da relação desses problemas com os hábitos de saúde, mudar o corpo não é mais uma questão estética somente.

Por que temos maus hábitos?

Genética: somos programados a liberar neurotransmissores e hormônios que fazem com que nos sintamos bem quando temos comportamentos não saudáveis como ingerir doces ou mesmo consumir drogas.

Influencia de amigos: existe pressão social para comermos sempre que estamos em um evento social, todos no churrasco comem carnes e pratos gordurosos, tomam cerveja, e ninguém quer se sentir deslocado ou excluído.

Influência da mídia: propagandas associam comportamentos não saudáveis com o bem estar e prazer, nelas gente bonita bebe cerveja, modelos com corpos esculturais consomem alimentos industrializados.

Mas como resistir aos alimentos saborosos?

O experimento do marshmallow pode nos dar uma luz sobre como funciona o autocontrole! Trata-se de um experimento feito com crianças que eram levadas uma a uma até uma sala, onde ficavam sozinhas com um marshmallow por 15 minutos. O dever das crianças era NÃO comer o doce. Para as crianças que conseguissem ficar os 15 minutos resistindo à tentação seria dado um segundo marshmallow.

Cerca de 30% das crianças conseguiram resistir e terminaram com dois marshmallows. Todos os dias temos de fazer escolhas como a dos marshmallows. Escolher entre economizar e gastar dinheiro, entre exercícios e tv, entre legumes e pizza.

2 lições importantes deste experimento:

1º: recompensas imediatas são, em geral, mais fortes do que recompensas postergadas, mesmo que menores. 2º: autocontrole tem o poder de gerar recompensas maiores e melhores.

Ter um corpo magro ou musculoso é muito bom, é uma recompensa muito forte que mantem as pessoas em rotinas pesadas de exercício e alimentação restrita. Mas para outras pessoas é muito mais recompensador comer doces e massas do que ter um corpo magro, motivo pelo qual não somos todos magros.

Mesmo pessoas que DESEJAM um corpo mais magro ou com mais músculos não conseguem se abster de alimentos que as impedem de ter o corpo desejado, e este é o motivo pelo qual as recompensas imediatas são MAIS FORTES.

E COMO TER MAIS AUTOCONTROLE?

Em neuroimagem percebe-se uma forte ativação do sistema límbico no cérebro quando estamos lidando com fortes emoções e desejos. A parte do cérebro responsável por resistir a isso, é o lobo pré frontal, área da tomada de decisão.

Outro fato curioso é que todo tipo de estresse tende a ativar o sistema límbico. A área do cérebro responsável pelos comportamentos impulsivos é também ativada sob qualquer estresse. Em outras palavras: quanto mais estressados, mais tendemos a ceder aos nossos impulsos, e menos autocontrole temos.:

Primeiro precisamos entender o que é autocontrole, mas prefiro começar dizendo o que autocontrole NÃO É:

AUTOCONTROLE NÃO É RESISTIR BRAVAMENTE.

AUTOCONTROLE NÃO É SIMPLESMENTE NÃO FAZER.

AUTOCONTROLE É UM FAZER. É ALGO ATIVO.

AUTOCONTROLE É DEFINIDO EM PSICOLOGIA COMPORTAMENTAL COMO UM COMPORTAMENTO REALIZADO AGORA QUE VAI AFETAR A PROBABILIDADE DE OCORRÊNCIA DE OUTRO COMPORTAMENTO FUTURO. AUTOCONTROLE É FAZER ALGO. MESMO QUE SEJA SOMENTE PENSAR OU IMAGINAR.

Em uma variação do experimento do marshmallow, a pesquisadora instruiu as crianças a imaginarem que o marshmallow que estava em sua frente era apenas uma foto, mantendo todas as outras instruções. Incrivelmente aproximadamente 60% das crianças esperaram pelo segundo marshmallow. Em outras variações foi instruído que imaginassem que o marshmallow era uma pedra, ou que era venenoso. Os resultados foram similares.

Isso nos diz que todos possuímos a estrutura necessária para o autocontrole. Todo ser humano normalmente tem uma disposição natural a se controlar. Muitas vezes só é necessário um pouco de orientação e acompanhamento.

Como dito anteriormente, autocontrole é um FAZER!!

SABENDO DISSO… O QUE PODEMOS FAZER AGORA PARA EVITAR QUE VENHAMOS A COMER ALIMENTOS NÃO SAUDÁVEIS?

Um exemplo simples é não comprar aquilo que não devemos comer (comportamento agora) para prevenir que se venha a comê-los (comportamento futuro). Outro exemplo seria comer antes de fazer as compras para evitar que se compre tudo que der vontade de comer. Ou comer antes de ir a uma festa onde sabemos que terá muitas comidas tentadoras e saborosas.

Outros exemplos: desligar wifi para não perder tempo nas redes sociais, desligar tv da tomada para não liga-la, deixar tênis e roupas de academia separados e a vista para lembrar de se exercitar. Podemos até colar post-its pela casa com lembretes por escrito.

Mas isso tudo não parece demais? Será sempre assim tão penoso?

NÃO! Quando os comportamentos se tornam hábitos a gente não precisa mais se desgastar pensando em realiza-los. Tudo fica automático.

Em breve teremos postagens especificamente sobre hábitos.

Enquanto isso, se precisar de ajuda entre em contato. Forte abraço.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s